Skip to main content
Audiência trabalhista: dicas de advogado experiente

Dicas de advogado: como atuar numa audiência trabalhista

A convite do Diligeiro, o Doutor e Professor Itamar Ciochetti, escreveu algumas dicas úteis e importantes de como atuar em audiência trabalhista. Confira:

Por Itamar Ciochetti

Às vezes, a experiência conta muito. Talvez a audiência seja o momento da advocacia onde essa experiência mais se expressa.

Isto porque na audiência trabalhista todas as habilidades do advogado são testadas, uma vez que ali tudo é imediato. Existe na audiência uma situação na qual o advogado não pode revisar e corrigir o seu comportamento. Tudo o que ele fizer ali tem consequência, e as decisões têm de ser tomadas de imediato, com rapidez e ao mesmo tempo revisando toda uma estratégia. Leia Mais

[INFOGRÁFICO] 8 dicas para atuar como correspondente jurídico e conseguir mais demandas

Ao trabalhar como correspondente jurídico, você se compromete a realizar a tarefa contratada no prazo acordado e à maneira solicitada. Espera-se, sempre, que você preste um excelente atendimento ao contratante e realize um ótimo trabalho – caso contrário, você será mal qualificado e, como conseqüência, poderá não ser contratado para futuras diligências.

Por isso, listamos algumas dicas que, apesar de básicas, ajudarão você a aumentar consideravelmente sua renda e ganhar uma boa reputação. Leia Mais

Correspondente Jurídico

5 motivos para trabalhar como Correspondente Jurídico

A importância do Correspondente Jurídico

O Correspondente Jurídico é um profissional de extrema importância no ecossistema do Direito, pois o mesmo atende as necessidades de seu contrante (profissional ou escritório de advocacia) em diferentes comarcas por agilizar o andamento de Processos Jurídicos, minimizando erros e facilitando o cumprimento de prazos, gerando assim uma economia muito significativa de tempo e dinheiro. Leia Mais

Advogado correspondente: OAB/RJ propõe piso de R$200 para audiências avulsas

O colegiado discutiu a situação dos advogados correspondentes, que são contratados por escritórios e empresas para realizar audiências avulsas nos juizados especiais. Para combater aviltamento dos honorários, os presidentes levantaram a necessidade de estabelecer um piso para o valor das audiências, já que são pagos valores muitas vezes irrisórios para os advogados.
Leia Mais